Por que a aliança de casamento vai na mão esquerda? - Blog Casamento Único

Por que a aliança de casamento vai na mão esquerda?

Por Joia Única em
Por que a aliança de casamento vai na mão esquerda?

Imaginamos que todos já viram pelo menos uma pessoa casada na vida, ou quem sabe uma foto em redes sociais de um casal que você conhece de mãos dadas. Uma coisa é quase certa, quando você viu esta foto, ou viu este casal, ambos usavam suas alianças no dedo anelar esquerdo.

Esta é uma das semelhanças e um dos aspectos mais comuns a se observar em um casal que já passou pela cerimônia de casamento. E uma das tradições que mais são seguidas, mesmo em um mundo cada vez mais singular.

Mas você sabe porque essa tradição existe? De onde ela surgiu? O seu significado? Porque o uso do anel? Bem, vamos explorar a resposta para essas perguntas neste artigo.

O dedo anelar esquerdo

Além do uso da aliança na mão esquerda, onde o uso mais comum é vê-lo no dedo anelar da mão esquerda. Mas por que este dedo em particular?

A explicação mais aceitada é devido a uma longa tradição que foi feita famosa pelo Império Romano, a “Vena Amoris” ou “Veia do Amor”. Esta diz que o dedo anelar esquerdo possuía uma veia que se conectava diretamente ao coração, logo casais que eram devotos a seu amor ofereciam este dedo que possuíam uma conexão direta com a vida, no caso o coração, simbolizando a devoção durante a vida toda.

Hoje em dia, graças aos avanços médicos, científicos e tecnológicos, sabemos que todos os dedos possuem diversas veias que vão para o coração.

Mas antigamente, como se não havia como confirmar esses dados sobre a fisiologia humana, acabamos por receber esta grande tradição simbólica, mantendo-a até hoje.

Por exemplo, no séc. XVII há relatos de um médico holandês que dizia conseguir reviver mulheres que haviam desmaiado, utilizando uma técnica ao puxar o dedo anelar esquerdo delas.

Para os mais pragmáticos e menos românticos, o uso da aliança no dedo anelar da mão esquerda também é conveniente. Ele comunica claramente o estado civil, ou status de relacionamento, em que a pessoa se encontra.

Devido a estes fatores, o uso da aliança na mão esquerda tornou-se o padrão social onde vivemos. Mas e o anel, tem algum outro significado atrelado a ele?

O significado do Anel

Um outro aspecto simbolista do uso do anel como uma joia que represente o amor eterno também tem origem em outro grande império da civilização humana, O Império Egípcio. Temos que, anéis já eram um símbolo de amor eterno desde antes da era do Império Romano.

A utilização de anéis para simbolizar o casamento surgiu no Egito, onde a forma circular da joia simboliza a eternidade, algo sem fim, nem início. E o espaço no meio, o buraco por onde passa o dedo, representa uma porta ou portão.

Ou seja, ao colocar o anel em alguém, esta pessoa está aceitando um juramento eterno para com o outro. Assim, o uso desta linda joia para representar o amor e devoção eterno parece incrivelmente apropriado. 

Porém, o anel é a única joia que já foi utilizada para simbolizar isto? E o uso dele no lado esquerdo é o único uso existente?

Diferentes Tradições

Imagem de mulher segurando par de alianças

Apesar de grande parte do mundo aderir as normas sociais citadas acima sabemos que não é apenas a nossa sociedade ou nosso país e normas culturais que existem no mundo. Um exemplo é o uso da aliança na mão direita ao invés da mão esquerda.

Sim, em países como a Alemanha, a Espanha, a Rússia, a Noruega e a Índia, a aliança de casamento é utilizada na mão direita. Assim como em algumas denominações cristãs ortodoxas.

Isto, deve-se tanto ao fato de em algumas culturas o lado esquerdo ser associado como má sorte, ou um presságio ruim. Assim como, devido a origem da palavra “sinistro”, que vinda do latim, tem uma tradução similar à do lado esquerdo ou que veio do lado esquerdo.

Importante saber que, em cerimônias tradicionais de casamento na Índia, não são somente trocados alianças entre os noivos, mas também são trocadas guirlandas de flores em formato de colar, devido a tradições e simbolismo hindus. Além disto, as mulheres utilizam anéis nos dedos dos pés também.

E durante e após o casamento, o que nós costumamos fazer com o anel de noivado, que foi trocado pela aliança?

Anel de Noivado X Aliança: Tradições

Os anéis de noivado costumam carregar uma promessa de casamento com eles, enquanto as alianças carregam um juramento eterno de amor. Simbolicamente falando. Devido a isto, eles são diferentes.

Uma tradição que perdeu força com o passar do tempo foi a necessidade de o homem utilizar o anel de noivado, esta tradição que recuperou força com casamentos e uniões LGBTQ+.

Durante um casamento padrão há a troca do anel de noivado pela a aliança do casamento, junto da leitura dos votos do casal.

Este anel de noivado é usualmente colocado acima da aliança após as trocas e a cerimônia ser efetuada.

Porém, esta é uma outra tradição que não é necessariamente seguida, onde alguns casais optam por utilizar a aliança acima do anel de noivado, ou nem usar o anel de noivado e guardá-lo como recordação. Alguns, até mesmo, os vendem para ajudar com o início de suas vidas de casado.

Agora, com a aliança em mãos, devemos utilizá-la sempre?

A Aliança deve ser vestida sempre?

A aliança e aceitação dela, como discutimos acima, simboliza uma promessa de amor eterno, então devemos usá-la sempre e a todo momento?

A resposta é: nem sempre. Em algumas situações o uso da aliança pode causar problemas para a saúde, seja machucando a si próprio durante o sono ou seu companheiro(a), seja ao voar de avião e ocasionar o inchaço nos dedos, seja ao praticar atividades físicas de impacto, entre outros.

Também há a possibilidade de danificar a aliança em algumas atividades, algo que deve ser levado em consideração.

Então, não utilizar a aliança sempre é permissível sim. Ou talvez você pode fazer como algumas pessoas e tatuar um anel em seu dedo esquerdo, assim tendo uma aliança de casamento eternamente em seu corpo.

Evite problemas com sua aliança

Espera-se que a sua aliança seja sua pela vida toda, então é importante que ela tenha uma boa durabilidade. E você a utilizará muito em seu dia-a-dia, logo ela precisa ser confortável e não te machucar.

Alguns problemas de saúde e circulação sanguínea podem ser atrelados a más práticas na medição pessoal do tamanho de seu anel de noivado ou aliança. Segue alguns passos a seguir no momento de medição do tamanho de uso do seu anel.

  • Medir em locais com temperatura ambiente e dias com tempo nem muito quente nem muito frio.
  • Medir algumas horas após acordar ou no início de tarde.
  • Não medir depois de comer algo muito temperado, quente ou após ir à academia.
  • Não utilizar pulseiras ou miçangas no dia da medição. Elas podem alterar um pouco o tamanho dos dedos.

Caso você ainda não se sinta segura(o) com a medição, considera fazer uma medição profissional em uma joalheria.

Comentários:

Ao enviar esse comentário você concorda com nossa Política de Privacidade.